Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

4 ESQUINAS

BLOG ONDE SE PODE E DEVE FALAR DE TUDO (SOBRETUDO O INTERESSANTE)


Domingo, 06.10.19

LEGISLATIVAS NO CONCELHO DE CASTRO DAIRE - RESULTADOS

PPD/PSD

2.816

PS

2.441

CDS-PP

442

B.E.

348

PCP-PEV

120

PAN

108

CH

46

R.I.R.

38

IL

32

A

29

PCTP/MRPP

25

PURP

20

L

19

PPM

19

PDR

16

NC

12

PTP

12

PNR

8

MPT

7

JPP

1

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Zé da Esquina às 22:01

Sábado, 27.07.19

A INCOMPETÊNCIA DO COSTUME

Depois de, por motivos profissionais, algum tempo de ausência é chegada a hora de fazer um balanço do que tem sido a política local, concretamente a do executivo PSD, que comanda os destinos do Concelho de Castro Daire, desde que tomaram posse em novembro de 2017.
Não fora a vontade de narrar o que me vai na alma e o respeito pelos leitores deste blogue e apenas uma simples e singela frase resumiria tudo: “São todos iguais, tudo não passa de promessas”. Aliás esta frase é aquela que mais se ouve no Concelho de Castro Daire.
Desde a tomada de posse, que o executivo PSD, anda a passar atestados de incompetência a quem os elegeu e a quem, mesmo não tendo votado no referido partido, tem que por eles ser governado.
Os sociais-democratas tentam, a todo o custo, manter a cabeça à tona da água, mas dadas as trapalhadas e a forma errada como gerem o Concelho, cada vez o conseguem menos e, estou em crer, será uma questão de tempo até que se afundam por completo e nunca mais consigam sair do pantanal que os próprios criaram e se meteram.

Os eleitos, como nunca imaginaram vencer as eleições e formar executivo, prometeram “mundos e fundos”. Agora, e porque as pessoas estão cada vez mais propensas a reclamar, principalmente aquilo que deverá, por promessa, ser seu, andam, “com o coração nas mãos”, e aflitinhos por arranjar uma qualquer forma milagrosa que os livre do cadafalso.

Convém recordar que o atual executivo, em plena campanha eleitoral, prometeu, além de outras coisas, o seguinte:

  • Criar qualidade de vida para fixação de jovens.
  • Dotar as zonas urbanas com acesso gratuito à internet.
  • Valorizar e dignificar os funcionários e colaboradores da autarquia.
  • Dar prioridade à requalificação da estrada 225.
  • Dar escoamento aos produtos agrícolas.
  • Voltar a colocar ao dispor da comunidade o quartel dos bombeiros de Parada de Ester e respetivos serviços.
  • Internacionalizar os nossos produtos e serviços.
  • Criar uma ciclovia bidirecional com percurso circular.
  • Requalificar e dinamizar a quinta do calvário.
  • Construir um pavilhão multiusos.
  • Dinamizar o centro municipal da cultura.
  • Criar uma verdadeira universidade sénior.
  • Novo balneário nas Termas do Carvalhal.
  • Potenciar as praias fluviais do Concelho.
  • Requalificar o jardim municipal.
  • Requalificar as estradas municipais.
  • Requalificar a avenida 25 de abril.
  • Criar um gabinete de apoio aos agricultores.
  • Atrair investimento e criar emprego efetivo.
  • Criar mais de 1000 postos de trabalho num objetivo a 12 anos.
  • Criar e desenvolver o parque industrial na zona sul do Concelho e ampliar e requalificar o da Ouvida.
  • Dar preferência ao comercio local na aquisição de bens e serviços.
  • Reorganizar a praça de táxis para criar uma paragem de autocarros.

É verdade que ainda só chegaram a meio do mandato e por isso podem argumentar que ainda estão a tempo de cumprir o prometido.

Pois, poderá ter passado pouco tempo, mas já foi o suficiente para esbanjar dinheiro em festas, feiras, exposições e outras coisas idênticas e sem qualquer utilidade aumentando, com essas iniciativas, a despesa em relação ao executivo anterior, que eles tanto criticaram e prometeram alterar. E ainda não estou a referir, tratarei disso numa próxima oportunidade, ao aumento de despesa com os vencimentos do GAP, nem a quantia exorbitante que irão gastar com um tal de Matt Simons na próxima FICA.

A juntar a tudo isto, e para formar o ramalhete, temos a grande maioria dos funcionários autárquicos descontentes, pois, segundo eles, são mal comandados por quem não tem aptidões humanas para o cargo. Dizem, inclusive, que se o tal individuo fosse bom gestor não tinha levado a sua própria firma à falência, nem tinha, como aconteceu recentemente gasto dinheiro do erário publico em máquinas sem qualquer utilidade para o Município ou que, pelo seu estado de conservação, funcionaram apenas um ou dois dias, como foi o caso de uma capinadeira, para limpar matos, ou de uma maquineta de aplicar betuminoso.

Analisando o executivo, teremos:

O presidente só não é uma cópia fiel do seu antecessor, porque, talvez devido á idade, tem uma personalidade mais “requintada/refinada” e consegue, ainda, prometer com mais atitude que o seu antecessor, mesmo o que sabe não poder cumprir ou até mesmo, prometer o que nem sabe que está a prometer, pensando assim que, dizendo o que agrada ouvir, o assunto fica concluído.

O vice-presidente grande foco de descontentamento, tanto no estaleiro como na secretaria, devido à forma com tenta gerir o seu pelouro, tipo “mercearia do século XVIII”, e na forma discriminatória como trata os funcionários e colaboradores da autarquia. Por alguma razão alguém o descartou num anterior executivo.

Dos outros dois vereadores em regime de permanência dizer que um deles irá passar pela câmara sem honra nem glória e no futuro poucos munícipes se lembrarão que o mesmo ocupou o cargo. O outro ficará para sempre conhecido pelas promessas não cumpridas feitas a associações e aos munícipes mais jovens.

Os três vereadores sem pelouros atribuídos, participam nas reuniões camarárias e recebem as senhas de presença. Fazem mais alguma coisa?

Muito mais haverá para contar, mas prefiro ficar por aqui, e continuar na minha esquina, observando estes nossos governantes, cada vez mais enterrados, pelas atitudes que vão tomando e esperando pelo desenrolar do procedimento concursal para a carreira de técnico superior, para GIP - Gabinete de Inserção Profissional da Câmara Municipal de Castro Daire, pois será R ou P, qual o critério mais forte?

 

Zé da Esquina

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Zé da Esquina às 22:16

Sexta-feira, 12.04.19

SE NÃO VISSE NÃO ACREDITAVA...

Duas perguntas:

1ª - Quem deixou acabar o gasóleo nas bombas do Municipio?

2ª - Quem foi o autor daquela "barbaridade"  da mudança do sentido do transito junto ao intermarché?

 

Zé da Esquina

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Zé da Esquina às 20:09

Quinta-feira, 06.12.18

QUE TERNURA!

Antigamente os jornais tinham um profissional chamado “Revisor de texto”.

Se no Município de Castro Daire, que tantos funcionários tem, existisse alguém com essa profissão, erros como o abaixo cometido, provavelmente, não aconteceriam.

Município de Castro Daire : “As Ternas e a Dermocosmética – Potencialidades e Desafios".

Zé da Esquina

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Zé da Esquina às 21:37

Quarta-feira, 14.11.18

FRASE...

" A politica sem risco é uma chatice, mas sem ética é uma vergonha "

Francisco Sá Carneiro

 

Zé da Esquina

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Zé da Esquina às 19:33


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2019

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Calendário


Posts mais comentados


Farmácias de Serviço