Segunda-feira, 17 de Maio de 2010

A ORIGEM DO P.E.C. !!!

Afinal o P.E.C. (Plano de Estabilidade e Crescimento) que o Ministro das Finanças do governo de Portugal infligiu aos Portugueses não foi mais nem menos que uma ideia copiada do executivo Socialista do Município de Castro Daire.

Na verdade, antecipando-se ao governo da nação, o executivo Socialista cá do burgo, além de aumentar de forma exorbitante a tabela de Taxas e Licenças ainda aumentou a taxa R.S.U. (Resíduos Sólidos Urbanos) em 25 % - passou de 2,00 € para 2,50 €.

Andam todos os Portugueses admirados com as subidas de impostos e descontos nos vencimentos decretados pelos Socialistas de Lisboa e analisando estes aumentos, eles mais não fizeram, que copiar a original ideia dos seus “colegas” Castrenses.

Já alguém dizia há quarenta e tal anos: É tudo a bem da nação!

 

Zé da Esquina

publicado por Zé da Esquina às 21:32
link do post | comentar | favorito
|
53 comentários:
De Anónimo a 31 de Maio de 2010 às 21:49
Gostei do estilo. Vi pela primeira vez in Avenida Social. Se o Zé o permitir deixo o endereço. http://avenidasocial.blogspot.com/


De Avé CDR a 31 de Maio de 2010 às 12:15
Admitindo a hipotese veiculada pelo Justiceiro, de o executivo anterior ter deixado 397 funcionários, nem procuremos distinguir por serviço ou tipo de funcionário.
1º - Quanto custa em média cada funcionário (incluído naqueles 397 acima referidos) ao município?
a) Por ano: € 10.238,54
b) Por mês: 731,32

2º - Quanto representa (em percentagem) o número de funcionários face aos números de :
a) Populaçao de Castro Daire? 2,23%
b) População activa de Castro Daire? 3,67%
3º - Qual o valor médio anual a suportar por cada membro da população activa de Castro Daire o suporte da actividade pública do Município:
A) No ano de exercício (total): € 1.758,06
B) Nos encargos com o pessoal: € 393,26
Ou seja, os encargos com o pessoal (todo incluindo o pessoal politico) representam 22% do total de encargos assumidos em 2009. Será em excesso?
Mais, fazendo um cálculo simples, aqueles valores acima referidos significam que cada castrense, pertencente á população activa, terá de trabalhar 23 dias para suportar os custos com o pessoal (incluindo políticos) do Município e 102 dias para custear todas despesas do Município.
in http://ave-cdr.blogs.sapo.pt
E ainda se aumentam as taxas para pagar isto tudo?


De Avé CDR a 31 de Maio de 2010 às 14:08
Peço desculpas pelo erro de escrita mas onde se le 397, deve ler-se 379.
saudações


De Tribunal de contas a 31 de Maio de 2010 às 01:22
Zé: Procure saber quanto é que a Câmara paga ao Planalto Beirão pela recolha e tratamento do lixo e quanto é a receita que cobra aos munícipes. Seja isento nas suas análises e com isso reduza a demagogia. Lembre-se do princípio do poluidor pagador, ou se quiser, do utilizador pagador. Sejamos objectivos. Cordiais saudações.


De Sem saber a 31 de Maio de 2010 às 14:23
Caro(a) Tribunal de Contas, não quer fazer o favor de indicar onde podemos todos (e não só o Zé) encontrar a informaçao de quanto paga a Camara para a Associação de Municipios Planalto Beirão?
e onde se inclui o capitulo de taxa de RSU (no saneamento produtivo ou no saneamento particular ou noutro qualquer)?
São duvidas que gostava de ver esclarecidas.
É que considerar demagogia apontar o aumento de 25% da taxa de RSU, sem demonstrar que existe um desiquilibrio entre despesas e receita (neste capitulo) não é em si mesmo demagogico?
Partir do principio que existe um desiquilibrio e nao demonstra-lo aos demais (para melhor formarem a sua opiniao) não é irrazoavel?


De Tribunal de contas a 1 de Junho de 2010 às 00:23
Obviamente nos documentos de prestação de contas do município que qualquer titular do órgão (Câmara e Assembleia ) possuem. Vou ver se um amigo que está na Assembleia mo arranja e depois divulgo.
Abraços e Beijos


De Isaias a 28 de Maio de 2010 às 22:51
Concordo em absoluto com tudo o que disse o EU,só discordo de uma coisa!Quando diz para o Senhor Presidente acordar eu não concordo consigo,pois para se acordar é necessáro estar a dormir e eu acho que ele não está a dormir,tem é os olhos fechados e muito,só os abre quando quer!Tem é que ter muito cuidado para não os abrir tarde demais! Quem o vai atraiçoar,já estão inclusivé a fazer aos poucos,são aqueles que constantemente lhe dão palmadinhas nas costas e sente necessidade constante de lhe dizer que votaram nele! Cuidado,algum desses foi certamente aquele que colocou o referido convite!
Uma coisa eu lhe recordo,só teve direito e acesso ao referido convite quem é filiado no PSD,logo,como diria o seu colega Guterres é só fazer as contas .
Provávelmente alguém(refiro-me a um seu funcionário,que em determinada altura afirmou convictamente que 5+5 eram 12,também agora poderá muito zangado exigir-lhe que descubra o culpado de tal acto pois não quer fazer parte do rol dos suspeitos.


De Avé CDR a 26 de Maio de 2010 às 19:10
O aumento das taxas municipais lá se fez, pelos vistos com o acordo de todos os membros da Assembleia de Câmara.
E pelos vistos também se aumentaram outras taxas, como diz o(a) nosso(a) prestimoso(a) bloguer.
Mas ainda há quem defenda a posição do executivo, escudando-se no que se chama de boa gestão.
É uma posição (e opinião) louvável, mas, com o devido respeito, falaciosa.
No Orçamento de Estado podemos ver, desde logo, que o Estado Central prevê transferir (receitas ordinárias) para a Autarquia € 8.748.270,00 (sim viram bem, oito milhões, setecentos e quarenta e oito mil, duzentos e setenta euros).
Isto significa, que em transferências directas do estado (Fundo de Equilíbrio Financeiro, Fundo Social Municipal e 5% do IRS gerado no Concelho) é assegurado 43% do Orçamento da Autarquia.
A estas verbas acrescem ainda as transferências relativas a derramas e outros programas de financiamento publico, não descriminados em Orçamento de Estado (mais ou menos na ordem do € 5.300.000,00).
Ou seja, em termos globais 68% das receitas do município estão assegurados pelo Estado Central, através destas transferências.
De onde vem este dinheiro do Estado Central?
Naturalmente dos Impostos que cada um de nós paga (muito a contragosto, é certo, mas paga).
Como justificar então a necessidade de tão altas taxas?
Diz-nos a justificação técnica que dever-se-á olhar aos custos totais da Autarquia na actividade administrativa a taxar.
Ora, se a Autarquia apenas suporta efectivamente 32% dos custos previsíveis, não seria justo que as taxas apenas pretendessem representar essa percentagem de financiamento, na sua elaboração?
Pretende a Autarquia gerar lucros?
Ou será boa gestão obter valores de taxas municipais com base em todos os custos, sem olhar a parte dos impostos com que todos contribuímos?
É a vida…


De Munícipe a 26 de Maio de 2010 às 18:37
Menina ou Senhora Ilda, eu tambem constatei que certos funcionários não largam quem manda actualmente na câmara, funcionários esses, que andaram na minha terra, pela altura das eleições, a fazer campanha pelo PSD. Há tempo fiz um comentário sobre um serviço a funcionários camarários, os tais a que se deve estar a referir, ao qual me responderam que se achava que estava mal a culpa era minha e de quem votou PS.
Não é de bom caracter ter uma atitude destas, mas devem ser os tais que andam sempre a engraixar quem manda, alem do mais vivemos numa democracia e voto em quem quiser, acto tal que nada deve ter a ver com a qualidade dos serviços por estes prestados. Será que se vier a necessitar de algum serviço vou ser descriminado pelos funcionários só porque votei PS?
Quando votei PS quis a mudança, uma delas era a competência dos funcionários e isenção destes, na execução de suas funções, independentemente da cõr política a quem estão a prestar um serviço.
Vou ter que votar PSD nas próximas eleições para não continuar a ser descriminado? Pelo que me aconteceu, é o que alguns dos seus funcionários querem Sr. Presidente.


De Samuel a 27 de Maio de 2010 às 00:03
Não se admire com a resposta. " O ser humano é um animal de hábitos". É o exemplo que dão os pastores; quem anda sempre com a política na boca, a fidelidade partidária, o voto e o diabo ó quatro, em vez de exercer o cargo com a dignidade exigida semeia o que já vamos colhendo: perversão do serviço público! Foram muitos anos lá no tal "serviço"!


De Ilda a 25 de Maio de 2010 às 18:50
O problema maior que este executivo está a ter e com culpa própria, é deixar-se levar pelos que faziam campanha e eram PSD antes das eleições e que no dia a seguir a estas diziam-se PS, refiro-me concretamente aos funcionários que não votando PS no dia das eleições, depois de ter sido eleito lhe telefonaram a dar-lhe os parabéns com frases como: " finalmente ganhamos".Aliás toda a gente sabe que através destes camaleões o PSD continua com poder na câmara, quanto mais não seja para todos os dias sabotarem ou tentarem que nada se faça para estes se irem embora! O culpado disto? O actual executivo! Porque em vez de ver com os proprios olhos o que realmente se passa vão pelo que estes camaleões lhe dizem e orientam-se por tal tornando-se umas marionetas, por isso a camara é e continua a ser gerida por pessoas do PSD! O executivo é tão burro que ainda não se apercebeu disto? Vamos continuar a ser governados pelo PSD quando votamos PS?
Não reparam que quem cumpre o serviço para o qual é pago ( que devem ser poucos) não têm tempo para andar atrás do presidente para o disse que disse e para as entrigas? Se ainda não se deu conta disto que se está a passar Sr. Presidente, lamento informa-lo mas ou é burro ou ingénuo ou simplemente quis ser presidente independentemente de ser o PSD a governar por si, pois é isto que o Sr. está deixar acontecer, só lhe falta fazer parte da comissão política do PSD!!!
Todos os castrenses notam isso menos o Sr. Presidente e seu executivo.
Tenha cuidado é com os que têm necessidade de lhe andar constantemente a dizer que estão do seu lado, porque esses não trabalham, pois se o fizessem não tinham tempo para serem capachos, e o problema é que o senhor não sabe que fazendo - se
seus capachos continuam ao serviço do PSD


De veradeiro a 25 de Maio de 2010 às 21:16
Concordo plenamente contigo Ilda.... isso q disseste é tudo verdade... quantas vezes andam atras dele... a lamber as botas... se tivessem alguma coisa pa fazer....


De Anónimo a 25 de Maio de 2010 às 22:16
Mas em que socialistas votastes? quantos é que fazem parte do actual executivo? Não quero dizer que são do PSD, eles próprios, em quem dizes ter votado, é que retratam o que acabas de dizer, pularam de partido porquê? Não deste conta antes?
Vai à farmácia que isso passa.


De EU a 28 de Maio de 2010 às 22:16
O Executivo actual tem é memória curta porque sabe bem que pelo menos 80% dos funcionários votaram PSD, e não espere que tenham mudado de opinião em tão pouco tempo.
Mudaram sim foi de táctica, ou seja, antes das eleições riam-se do Senhor Presidente e dos seus vereadores dizendo mal deles e pedindo o voto para o PSD em serviço pelo Concelho fora, agora à frente do executivo até lhe lambem as botas mas na retaguarda dizem que isto vai de mal a pior, tudo o que se passa de mal desde há quatro anos e continua, dizem que a culpa é do PS porque são incompetentes e não sabem mandar.
Bem de certa forma sou obrigado a concordar com a ultima parte, (não sabem mandar) porque continuamos a ver carros a passear na vila a baixo e a cima, funcionários a irem almoçar a casa com as viaturas de serviço, e quando alguém coloca no armazém um convite para a tomada de posse da comissão politica do PSD, o Sr. Presidente em vez de levantar um inquérito para saber quem afixou tal convite, "PEDIU" para a pessoa responsável se acusar!!!!
Em que tempo vivemos nós ???
Sr. Presidente acorde......


De Anónimo a 28 de Maio de 2010 às 23:23
Então para os socialistas a liberdade de voto e de expressão é essa mesma: proibir e levantar processo disciplinares aos que não forem socialistas!
Nem seria preciso dizê-lo, já se percebia.


De Eu a 29 de Maio de 2010 às 16:17
EU conheço vários tipos de gente mas vamos falar de dois.
Aqueles que não sabem mais porque a inteligência não lhes permite e aqueles que não querem saber.
Em qual dos dois o "Anónimo" se encontra?


De Anónimo a 31 de Maio de 2010 às 09:29
Nos dois, senão não teria contribuido pra este grupo de paradeiro temporário ter ganho.


De anónimo a 25 de Maio de 2010 às 10:29
Em certos casos não se trata de ser ou não ser um PEC, mas sim, não cumprir o que prometeram, e ainda mais importante e GRAVE, não cumprirem o que a legislação obriga.
Os Comunas, os Bloquistas e os ARAÚJOS estão atentos a estes casos. Só será preciso estalar os dedos e eles aparecerão


De Tiago a 25 de Maio de 2010 às 09:37
Gostava que o Zé da Pena me explicasse onde e quando começaram a caça às bruchas. Na Camara de Castro Daire a politica mudou e agora finalmente existe liberdade de expressão. Se o Senhor sabe de algo que me passe ao lado gostaria de saber o quê.


De AAA a 25 de Maio de 2010 às 14:00
AAA!!! Esta deve ser para rir.....


De Zé da Pena a 25 de Maio de 2010 às 21:24
Por muito que explique és capaz de não ver, Mesmo assim e de uma forma simples, dou-te um conselho. "Lava os olhos e tira a bandeira da frente da cara".
Os meus respeitos.


De Zé da Pena a 29 de Maio de 2010 às 09:20
(Pessoal para Tiago)
Tens lido todos os comentários? Se sim então já percebeste onde é e como é a caça às bruxas.
Ou será que continuas com os óculos embaciados?

Lamento


De Esteves a 22 de Maio de 2010 às 10:51
E eu que tenho um pequeno comércio! Em vez de 3 vou passar a pagar 4€ por mês. Despejo um saquinho de lixo de 15 em 15 dias. Acham justo? Se for uma indústria com enormes descargas de lixo paga exactamente o mesmo! Isto é que é justiça social? Para não bastar esta injustiça, aumentaram 33,333% o valor a pagar. Qualquer dia não ganho para pagar a factura da Câmara (água, saneamento e lixo). Deixo aqui o meu testemunho para reflectirem!


Comentar post

contador de visitas
online

.Calendário

.Posts Editados

. G.A.P.

. TOMADA DE POSSE

. O POVO DECIDIU. DEMOCRACI...

. ELEIÇÕES AUTARQUICAS 2017...

. FIM DA DITADURA

. SONDAGENS (RESULTADOS)

. TEMOS PENA

. CEGUEIRA

. SONDAGENS

. LISTAS DE CANDIDATOS

.Arquivo

.Farmácias de Serviço

blogs SAPO

.subscrever feeds

.mais sobre mim